Chuva de meteoros Orionídas

Ciência Nenhum comentário em Chuva de meteoros Orionídas

Meteor Shower

Anualmente, entre outubro e novembro, a chuva de meteoros Orionídas enfeita o céu noturno, podendo ser facilmente observada sem a ajuda de instrumentos como binóculos ou telescópios.

Esse ano, o pico da chuva será entre hoje (21) e amanhã (22). Segundo os especialistas, a taxa média será de 14 “estrelas cadentes” por hora. A chuva de meteoros Orionídas acontece quando partículas deixadas pelo cometa Halley caem na atmosfera terrestre em uma velocidade incrível de 200 mil km/h.

Se as nuvens contribuírem, o fenômeno poderá ser visto em todo o Brasil. O radiante da chuva será ao norte da estrela Betelgeuse, na Constelação de Órion (onde que estão as Três Marias).

Vale lembrar que quanto mais distante você está das luzes das grandes cidades, mais fácil será visualizar a chuva de meteoros. O melhor horário para visualizar será na madrugada do dia 21 para o dia 22, pouco antes do amanhecer, quando os traços brilhantes das Orionídas mostram toda a sua força. A Lua Cheia pode, no entanto, ofuscar um pouco a chuva de meteoros.

Comentários

O Desocultando é um agregador de conteudo singular que tem como principal objetivo centralizar e divulgar informações
relacionadas ao oculto, o sobrenatural, ciência, conspirações, contatos extraterrestes e mistérios em geral.


Desocultando | Aqui o oculto é revelado © 2020.


n

Back to Top